Sexta, 31 Janeiro 2014 20:43

Novo ministro da educação responde a processo na justiça

Avalie este item
(0 votos)

Nomeado novo ministro da educação, José Henrique Paim é réu em uma Ação Civil Pública que corre na Justiça Federal, em São Paulo, desde 2006.

 

Segundo o processo, ele responde por irregularidades identificadas pelo Ministério Público num convênio de R$ 491 mil firmado entre o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que foi presidido por Paim, em parceria com a ONG Central Nacional Democrática, para alfabetizar jovens e adultos.

 

Em 2005, a ONG não havia prestado contas dos recursos recebidos num convênio firmado no ano anterior. Por isso, o Ministério Público determinou que não fossem repassados novos recursos à entidade. 

 

Em nota, a assessoria do Ministério da Educação alega que uma apuração interna foi feita no FNDE, o que inocentou Paim de responsabilidade. 

 

José Henrique Paim substituirá o antigo ministro, Aloizio Mercadante, que foi escolhido para chefiar a Casa Civil.

 

SECOM/CPP

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.