Terça, 25 Março 2014 17:12

CPP conquista evolução funcional do readaptado

Avalie este item
(0 votos)

Presente na Comissão Paritária, o Centro do Professorado Paulista firmou posição em defesa do professor readaptado. Desta forma, conquistou como consta no decreto nº 60.285, de 24 de março de 2014, a possibilidade do professor readaptado evoluir academicamente.

No quadro  'Espaço do Representante' desta semana a professora Maria Cláudia Vianna Junqueira, que também participa da Comissão Paritária,  explana as conquistas mais relevantes  que envolvem a definição do Memorial e as faltas dos docentes.

 

SECOM/CPP

Mídia

7 comentários

  • Link do comentário Denise Martins Sexta, 04 Abril 2014 20:19 postado por Denise Martins

    Bom, professor Nilton, em primeiro lugar você precisa melhorar sua escrita, seus erros ortográficos. Concordo que a categoria O é explorada, mas esta exploração não é feita pelos outros professores e sim pelo sistema.
    Sou professora há 10 anos, tenho vários certificados para solicitar evolução funcional e mesmo assim minha DE me negou. Não é fácil pra ninguém! É burocrático, cheio de regras. Fui aprovada em 4 concurso, tenho pós graduação e 3 extensões universitárias, 2 cursos da própria SEE , porém não tenho o tempo de 5 anos na mesma escola, no mesmo cargo. Realmente desmotiva, mas não vou descontar em outras categorias.

  • Link do comentário João A. Busquini Quarta, 02 Abril 2014 16:25 postado por João A. Busquini

    O CPP têm sido a grande fonte de informações aos professores da Rede Estadual e um instrumento de reivindicação oficial da voz do professor.
    Aguardo com certa ansiedade a Evolução Funcional, pois no modelo da 836 não posso mais evoluir mesmo ainda não usado os certificados, os interstícios e o doutorado. Meu questionamento é: valerá à pena esperar o Plano de Carreira? Mais quanto tempo à discussão se arrastará?
    Resposta CPP: Professor

    Infelizmente na Comissão Paritária não pudemos alterar as leis, só os decretos.
    Dos decretos votados e aprovados na Comissão foram publicados o da evolução não acadêmica e da acadêmica. O decreto da promoção apesar de votado e aprovado, desde dezembro/2013, ainda não foi publicado.
    A modificação nos interstícios só pode ser feita com a alteração da lei, ou seja, no Plano de Carreira, pois ele cessaria todas as leis que tratam desse assunto.
    SECOM/CPP

  • Link do comentário Maria Claudia Quarta, 02 Abril 2014 12:57 postado por Maria Claudia

    Professora Célia. No próximo programa falaremos sobre o novo decreto para a evolução acadêmica. Abraço. Maria Claudia

  • Link do comentário Roberto Quarta, 02 Abril 2014 11:34 postado por Roberto

    Nossa Nilton, que falta de ética!! Ridículo, procure melhorar sua categoria lutando por mudanças, e não criticando colegas de profissão que graças a eles você tem trabalho. Se você acha que não está bom, mude de profissão, ainda é tempo!!!!

  • Link do comentário Natália Terça, 01 Abril 2014 21:49 postado por Natália

    Concordo plenamente com os colegas lutem pela categoria OOOOOOOO!!!!!!! !Afinal de contas somos tão importantes como e temos direitos TÃO diferentes????? TODOS OS DIREITOS DO PROFESSOR CATEGORIA F.FFF!!!!!!

  • Link do comentário Nilton Sexta, 28 Março 2014 08:19 postado por Nilton

    Evolução na carreira tem que ser para categoria O. Pois são eles que pegam aulas no meio do caminho de professores que tiram licença a todo instante. Ai vem o professor da categoria O que não tem nenhum direito e assumi o trabalho do professor efetivo.
    Os categorias O e quem supri a faltas dos efetivo e que somos obrigados a fazer o que eles efetivos não fazem, que pouco se comprometem com seu trabalho ouvimos isso todo os dias nas escolas.
    Lutem pelos professores da categoria O.
    Resposta CPP:
    Trata-se de uma situação bem complexa devido as regras de contratação desta categoria, porem, o CPP continua trabalhando para que haja uma mudança na legislação de que trata as contratações da categoria O.

    Att: SECOM/CPP

  • Link do comentário célia regina da silva zerbato Quinta, 27 Março 2014 23:26 postado por célia regina da silva zerbato

    Quero saber como fica a progressão por via acadêmica, pois com o novo decreto houve um alargamento dos níveis de 5 para 8, todavia a legislação que versa sobre essa modalidade de progressão estaciona o professor no nível 4 quando portador de título de mestre e no nível 5 quando portador do nível de doutor. Nesse contexto, eu que acabei de pegar o diploma de mestre e já estou no nível 4 não obtive benefício algum. Haverá revisão da legislação sobre essa modalidade de evolução?

    Em aguardo.

    Obrigada,

    Célia.
    Reposta CPP:Sim, já esta em fase final a revisão da legislação sobre as evoluções, estamos com uma comissão que esta acompanhando e participando destas mudanças, favor aguardar que esta faltando pouco para esta regulamentação.

    Att: SECOM/CPP

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.