Imprimir esta página
Terça, 07 Maio 2019 10:19

Mudança no tempo de aulas em SP representa 50h a mais por ano

Avalie este item
(2 votos)

O governo de São Paulo irá aumentar em 15 minutos o tempo diário de aulas na rede estadual de ensino. Enquanto isso, disciplinas tradicionais como português e matemática serão reduzidas em 10%.

 

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, o secretário da Educação de SP, Rossieli Soares, explicou que a mudança representa 50 horas a mais por ano. “É relevante, mas o conjunto [das mudanças] que é importante”, disse.

 

“Estamos fazendo a alteração no número de tempo de aula. Subimos de seis para sete aulas diárias, com a diminuição de 50 minutos por aula para 45 minutos”, afirmou.

 

“Teremos organização da nossa grade curricular que trará projetos de vida, tecnologia e eletivas desde o 6º ano até o Ensino Médio”, completou.

 

A extensão de 15 minutos por dia, entretanto, só irá vigorar para os períodos matutino e vespertino. Sobre o período noturno, Rossieli Soares admitiu que está em discussão por ser um horário mais complicado na rede de ensino.

 

“O diurno tem cinco horas diárias, o noturno tem quatro horas. A gente nem cumpre porque tem vários problemas”, ressaltou ao citar dias de jogo de futebol e sextas-feiras. “Temos que pensar em outras propostas para o Ensino Médio”.

 

Caso as limitações não existissem, o tempo ideal de permanência dos alunos nas escolas, segundo o secretário, seria de oito horas. Entretanto, a limitação de recursos e de estrutura não conseguem garantir o período integral em todas as escolas em um curto período de tempo.

 

“É um programa de longo prazo. Somente neste ano são 53 novas escolas em tempo integral, mas este aumento leva mais tempo”, explicou.

 

Fonte: Rádio Jovem Pan