Terça, 04 Mai 2021 16:14

Jovem invade creche e mata duas professoras e três crianças

Avalie este item
(1 Voto)

Ataque ocorreu na manhã desta terça-feira (4) no município de Saudades, no oeste de Santa Catarina; agressor está hospitalizado em estado grave


Um adolescente de 18 anos invadiu uma creche do bairro Industrial em Saudades, cidade no oeste de Santa Catarina, e matou duas professoras e três crianças com um facão, na manhã desta terça-feira (4). O ataque ocorreu na Escola Infantil e Berçário Pró-Infância Aquarela, que atende alunos de seis meses a dois anos de idade.

As crianças, duas meninas e um menino, completariam dois anos no segundo semestre deste ano, informou a secretária de Educação da cidade, Gisela Hermann. Elas foram identificadas como Ana Bela, Sara Luisa e Murilo. Gisela relata que, logo que soube da notícia, foi uma das primeira pessoas a chegarem no local. "Muito sangue. É uma cena de terror, de horror... fiquei muito abalada", afirmou a secretária ao site de notícias R7.

Segundo os bombeiros, uma professora morreu no local e outra chegou a ser levada ao Hospital Regional do Oeste, de Chapecó, em estado grave, mas não resistiu. O autor do ataque tentou suicídio, ficou gravemente ferido e foi conduzido ao município de Pinhalzinho, a 11 Km de Saudades.

CPP LAMENTA A TRAGÉDIA

Os dirigentes do Centro do Professorado Paulista estão extremamente abalados com este triste episódio que se abateu na creche no município da pequena Saudades. Neste momento de profunda dor, a diretoria do CPP estende condolências aos familiares das vítimas e aos envolvidos nessa tragédia que comove a todos. "É devastador tamanha atrocidade. Isso nos deixa estarrecidos. Que Deus conforte os corações e dê força para os familiares e amigos seguirem em frente", comenta o Professor José Maria Cancelliero, presidente do CPP.

Lido 616 vezes

1 Comentário

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.