Sexta, 26 Julho 2013 13:29

Governo atrasa pagamento de férias de professor estadual

Avalie este item
(0 votos)

O governo de São Paulo deixou parte de seus professores sem o pagamento das férias de julho. A categoria volta a dar aulas na semana que vem.

Segundo o governo, o problema é pontual e menos de 1.500 profissionais foram afetados, de um total de 280 mil servidores da educação.

Pela lei, o terço de férias deveria ser pago dois dias antes do recesso. O pagamento era esperado pelos professores no quinto dia útil, junto com o salário.

Após uma série de reclamações, com intervenção do sindicato, o governo prometeu que faria uma folha complementar de pagamento para o último dia 17, o que não ocorreu, segundo professores.

A Secretaria de Estado da Educação diz que fez pagamentos nessa data, sem dizer quantos foram.

 

Fonte: Folha de São Paulo

SECOM/CPP

16 comentários

  • Link do comentário fabiola Domingo, 04 Agosto 2013 18:32 postado por fabiola

    e quem corrige isso? Os orgaos centrais da SEE nao nos orientam! Fico o prejuizo!

  • Link do comentário Ana Paula Sexta, 02 Agosto 2013 00:33 postado por Ana Paula

    Até o momento 02 de agosto não recebi o valor das férias, aonde reclamo e para quem ?

  • Link do comentário Denise Quarta, 31 Julho 2013 12:55 postado por Denise

    Nossa...só agora que percebi o aumento..é tão pequeno que não tinha notado...

  • Link do comentário rodrigo Quarta, 31 Julho 2013 12:25 postado por rodrigo

    Continuo a não receber as férias no dia de hoje como prometeu o governador

  • Link do comentário Denise Terça, 30 Julho 2013 13:37 postado por Denise

    A postagem da Cristiane realmente nos mostra o quanto a mídia tenta colocar a população contra os professores, como se fosse culpa da escola, da direção ou dos professores a falta de profissionais pra recuperação. ninguém menciona o valor baixo pago por aula ou que mesmo que o professor queira, se ele tem jornada completa dele não pode dar estas aulas.

  • Link do comentário Denise Terça, 30 Julho 2013 07:14 postado por Denise

    Além de não receber as férias, alguém viu o hollerith de agosto? alguém recebeu o aumento de 8% prometido para juho?

  • Link do comentário Cristiane Segunda, 29 Julho 2013 18:58 postado por Cristiane

    Se não pagam nem as férias que é de direito. Como trabalhar nas férias como professor de reforço? A reportagem do SPTV parece piada. É claro que faltam professores para este reforço que não leva a nada. (Reforço para inglês ver… a aprendizagem dos nossos alunos depende de duas semanas de reforço?). É evidente que não. Mais uma vez a culpa são dos professores… O sindicato deveria de manifestar na imprensa. E sabemos que essa falta de professor não é pontual como afirma a Secretaria de Educação.
    http://g1.globo.com/videos/sao-paulo/sptv-1edicao/t/edicoes/v/alunos-de-escola-na-vila-california-estao-sem-aulas-de-portugues/2709891/

  • Link do comentário katia Segunda, 29 Julho 2013 17:37 postado por katia

    Eu muito menos....DESCASO COM A CLASSE DOS PROFESSORES....AS VEZES TENHO VERGONHA trabalhar para o ESTADO.

  • Link do comentário Denise Martins Segunda, 29 Julho 2013 17:08 postado por Denise Martins

    Eu também não recebi o aumento prometido. A % não está no holerite de agosto..

  • Link do comentário Antonio Segunda, 29 Julho 2013 12:28 postado por Antonio

    não recebi nem satisfação...professor ..coitado.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.
Campo destinado a comentários relacionados à notícia. Duvidas sobre Vida Funcional devem ser encaminhadas aos respectivos setores.
Clique aqui para ver os contatos.